logo colégio sigma
Agende uma visita
Menu

Aluna do Colégio Sigma vence I Desafio Escolar de Dança Solo da Secretaria de Educação do Distrito Federal

A dança é a arte de mover o corpo por meio de movimentos e ritmos. É um modo extravasar sentimentos e emoções e representar uma identidade individual ou coletiva. Como uma forma de estimular essa conexão entre crianças e jovens, a Secretaria de Educação do Distrito Federal promoveu o I Desafio Escolar de Dança Solo para alunos de escolas públicas e privadas da cidade. A jovem Paloma Vaz Dias, aluna do 9º ano do Ensino Fundamental – Anos Finais do Colégio Sigma, foi a vencedora da competição, que reuniu mais de 115 estudantes de 7 a 17 anos.

Para participar do concurso os alunos deveriam postar um vídeo de uma apresentação de dança solo, de até um minuto, nas redes sociais da Diretoria de Educação Física e Desporto Escolar (DEFIDE). O vencedor foi definido a partir do número de curtidas na página. Como prêmio, Paloma Vaz participou do DEFIDE Convida Ao Vivo, programa de entrevistas da secretaria. “Foi uma oportunidade incrível poder participar no concurso e poder mostrar todo o meu amor pela dança e pela ginástica”, conta a estudante.

O foco da atleta é a Ginástica Acrobática, esporte que pratica desde os 8 anos. E mesmo com a pouca idade, aos 14 anos, a jovem já está conquistando o seu espaço no mundo. “Eu já tive a oportunidade de viajar para competições na Holanda, País de Gales, Estados Unidos e México e conhecer novas culturas e ginastas que me inspiram”, afirma Paloma. “E eu devo tudo a minha técnica, Márcia Colognese, que é um diferencial na minha vida e sempre me incentivou”.

Com a pandemia, a atleta precisou ajustar os treinos dentro de casa e contou com o apoio da família e dos vizinhos. “Foi um período de adaptação muito difícil. A professora Márcia e a comissão técnica sempre fizeram de tudo para nos ajudar, para que a gente não parasse com os treinos em nenhum momento”, conta. “Dentro de casa nós improvisamos os pesos e comecei a usar sacos de arroz, vaso de barro e outros. Além disso, pedi ajuda dos vizinhos, que me incentivaram e me deixaram usar o espaço comum do prédio para treinar. Sempre tive o apoio de muita gente e isso me motiva a continuar treinando”.

Mesmo com uma rotina intensa de treinamentos, Paloma conta que consegue administrar os estudos com o esporte. "Quando a gente ama o que faz, a gente sempre arranja um jeito. Eu treino 4 horas por dia e me dedico aos estudos no período da noite e nos finais de semana. A escola me apoia bastante. Eles estão sempre disponíveis para o que eu preciso e os professores me ajudam a conciliar as atividades”, conta.  A estratégia tem dado certo, já que além de ser uma ótima atleta, a aluna mantém um excelente desempenho escolar.

Incentivo ao esporte

 

O Colégio Sigma incentiva a prática de esportes dentro e fora da escola. O coordenador de Educação Física, Carlos Roberto Teles, conta que a atividade física é uma ferramenta para integrar crianças e jovens, reduzir preconceitos e transformar vidas. "O nosso papel como escola é contribuir para a formação integral dos alunos", afirma.

O professor também aponta que a escola oferece todo o suporte e auxílio para os estudantes que participam de campeonatos fora da cidade. "Sabemos que as agendas de competições podem coincidir com o calendário escolar, então, junto com as famílias, montamos a melhor estratégia para que o estudante possa participar dos torneios e não perder conteúdos e avaliações importantes".

Postado pornatalia

Postado em27 de abril de 2021


Palavras chave:

Blog do Sigma DF

Ver todasclique para conhecer mais
receba nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba as últimas novidades por e-mail

entre em contato

Entre em contato

Entre em contato que nós iremos responder assim que possível.

Copyright © | - Todos os Direitos Reservado por

Termos de Uso|Politica de Privacidade
Ligarclique para ligar