Skip to main content

Alunos do Sigma farão simulados nos moldes exatos do Enem

By 27 de abril de 2021Sigma

Para professor da instituição, treinar é fundamental durante a preparação para as provas por permitir testar o aprendizado

 

Com vestibulares cada vez mais concorridos, a preparação para as provas se torna ainda mais crucial. Algumas ações de organização, como: conhecer o edital da prova, o conteúdo programático e montar um cronograma de estudo é fundamental. Porém, talvez a mais importante delas, seja testar o conhecimento durante o estudo. Ao realizar provas anteriores, simulados e treinar para a redação, é possível prever as maiores dificuldades e o tempo gasto em cada questão e, assim, direcionar os estudos. Por isso, o Colégio Sigma sempre realiza programas de simulados para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), almejando proporcionar aos estudantes o melhor preparo.

 

As próximas provas serão realizadas nos dias 11 e 18 de abril para mais de 50 mil alunos de todo o Brasil, por intermédio da SOMOS Educação, uma das principais organizações de educação básica do País. No primeiro dia, serão aplicadas as provas de Linguagens, Ciências Humanas e Redação; no segundo dia, Ciências da Natureza e Matemática. Participarão estudantes de todo o Ensino Médio. É uma forma de alunos da 1ª e da 2ª séries iniciarem também uma preparação mais direcionada para esses Exame.

 

Eli Guimarães, professor de Redação e Diretor da Unidade do Colégio Sigma de Águas Claras, apontou que serão mais de 1600 participantes da escola e explicou que o principal diferencial desses simulados está no fato de serem provas nos moldes exatos do Enem. “Os alunos farão um simulado com questões inéditas. Além disso, a correção será pela TRI, mesmo método adotado na correção do Enem. E os participantes terão acesso a um boletim de desempenho muito detalhado, no qual constará o resultado dele, questão por questão em comparação com todos os participantes. Isso será um termômetro valioso para medir o próprio desempenho em comparação a outros candidatos”, afirma. Para Eli, a realização desse tipo de teste é fundamental durante este processo. “Conosco, o aluno começa a treinar, já na 1ª série. Ele estará se habituando ao tipo de questão, à linguagem adotada, ao tempo de realização. É todo um ambiente de teste. Nós nos preocupamos em reproduzir uma situação análoga ao que ele vivenciará no dia da prova”, compartilha.

 

Além dos simulados, o Colégio Sigma também utiliza outras ferramentas para melhor preparação dos estudantes. Um exemplo é a plataforma Redação Nota 1000, utilizada para a correção das redações. Ela permite aos professores indicar os erros e fazer observações ao longo do texto. “Com isso, temos um suporte pedagógico muito robusto e, assim, conseguimos pontuar efetivamente o aspecto em que o aluno precisa melhorar. A plataforma suporta o modelo de correção do Enem, da Fuvest (vestibular para ingresso na Universidade de São Paulo), do Programa de Avaliação Seriada (PAS)”, pontua Eli.

 

Olimpíadas de Conhecimento

 

Outro projeto que auxilia os alunos na preparação para os vestibulares são as Olimpíadas. Por meio de competições, os alunos têm o conhecimento  testado em diversas áreas. Robson Caetano, da Secretaria de Cursos do colégio Sigma explica que estimular o estudo das ciências e identificar jovens talentos são os principais objetivos desses eventos. “Hoje, o Sigma quer manter o aluno em constante evolução praticando seus conhecimentos. Além disso, atualmente, muitas Universidades utilizam as notas obtidas nessas olimpíadas como ponto importante para ingresso na Instituição. As universidades no Brasil que oferecem vagas olímpicas são: USP, Unicamp, FGV, Unifei e Unesp”, afirma. No exterior, a participação em competições científicas, há muitos anos, já é vista como algo positivo. Boas pontuações e medalhas mostram o talento e a habilidade dos jovens.

 

A mais recente, com provas realizadas entre os dias 22 e 24 de março foi a Olimpíada Canguru de Matemática. De acordo com Robson, foram mais de 500 estudantes do Colégio Sigma que participaram, dentre eles, alunos das quatro unidades e da 3a série dos anos iniciais à 3º série do Ensino Médio. “No caso de matemática, a Olimpíada é realizada em uma única fase. Ainda estamos aguardando os resultados, porém, deve ser positivo a partir de todo nosso trabalho e a participação das famílias na supervisão do processo”, compartilha o professor.