logo colégio sigma
Agende uma visita
Menu

Como trabalhar o raciocínio lógico infantil? Conheça as 4 dicas!

Aluno do Ensino Infantil do Sigma, com professora, em sala de aula

*Imagem tirada antes da pandemia do Covid-19.

O desenvolvimento do raciocínio lógico infantil é essencial na construção do conhecimento e do desenvolvimento da criança.

O tema deve ser uma preocupação não apenas do colégio como também dos pais. O trabalho entre o ambiente escolar e a família é fundamental para que o tema seja, além de debatido, estimulado com as crianças.

O raciocínio lógico é uma habilidade indispensável para o desenvolvimento do estudante. Por meio dele, a criança entende como resolver problemas, refletir e tomar decisões mais assertivas.

Mas para desenvolver essa característica, é importante que haja um estímulo de atividade que proporcione tal capacidade. E para ajudar você, separamos, neste post, algumas dicas de como trabalhar o raciocínio lógico infantil. Confira! 

Quero assinar a newsletter!

O raciocínio lógico infantil

Apesar de ser comum associar o raciocínio lógico às noções e ao aprendizado de matemática, o tema vai muito além disso.

Embora a habilidade, de fato, tenha relação com a matéria, o conceito ainda pode ser entendido como a capacidade de tomar decisões com base em informações analisadas pela pessoa.

O raciocínio lógico infantil pode auxiliar a criança a entender como se comportar diante de inúmeras situações. O aprendizado dessa capacidade, aliás, auxilia na resolução de reflexões, tomada de decisões e até mesmo na própria construção do conhecimento. 

A importância do raciocínio lógico infantil

É possível destacarmos o raciocínio lógico infantil como uma prática a ser estimulada em casa e em sala de aula.

O tema, muito mais por uma questão de desenvolvimento do aluno, tem grande relevância no processo de aprendizado.

Por sua natureza analítica e resolutiva, o raciocínio lógico tem um papel de peso na construção de habilidades e competências intelectuais e sociais. 

Desenvolvimento infantil

O raciocínio lógico é um dos fatores responsáveis pelo desenvolvimento infantil.

Ainda que, nessa fase, grande parte das decisões na vida da criança seja tomada pelos responsáveis, o aprendizado da autonomia e do pensamento próprio é de grande importância para a criança.

Nesse sentido, estimular a prática de atividades que desenvolvam o raciocínio lógico é bem relevante para a formação dos pequenos. 

Desenvolvimento cognitivo

Mas além do desenvolvimento infantil, o raciocínio lógico também desempenha um grande papel no desenvolvimento cognitivo.

Quando a criança tem um contato com esses elementos, ela consegue aprender de uma maneira eficiente. Para a cognição infantil, o pensamento analítico traz uma evolução mais rápida.

Essa característica ainda trabalha outros fatores, como a memória e a atenção aos detalhes. 

Capacidade de um maior aprendizado

Ainda é possível citar como benefício do raciocínio lógico infantil uma capacitação maior ao aprendizado.

Por meio dele, o aluno tem um auxilio maior na hora de associar o conteúdo ministrado em sala de aula ou mesmo organizar pensamentos e deduções. E tudo isso contribui para o seu aprendizado.

Ainda é possível citar uma melhora no desempenho escolar, não apenas em disciplinas como Matemática, mas também em Linguagem e Interpretação.

Especialmente na fase de ensino infantil, o desenvolvimento de um maior aprendizado é essencial. Isto é, por meio do raciocínio lógico, a Educação Infantil tem um aliado a mais na construção do aprendizado da criança. 

Quero assinar a newsletter!

Atividades para desenvolver o raciocínio lógico na educação infantil

E para fazer com que esses benefícios sejam colocados em prática, a escola e os pais podem fazer uso de atividades de desenvolvimento do raciocínio lógico infantil.

Mas quais atividades atuam diretamente nesse tipo de capacitação do aluno? A seguir, vamos citar alguns exemplos das melhores práticas que podem ser usadas. 

Oferecer jogos de sequência lógica e de tabuleiro

Em primeiro lugar, duas das atividades mais comuns no desenvolvimento do raciocínio lógico para crianças são os jogos de sequência lógica e de tabuleiro.

Esse tipo de atividade exige que a criança tenha uma capacidade maior de identificar padrões e lidar com situações.

Os jogos sequenciais, por exemplo, são uma excelente forma de desenvolver um pensamento lógico e analítico nos pequenos.

Os jogos de tabuleiro exigem a elaboração de estratégias. Para alcançar a vitória, a criança deve pensar de diferentes formas e analisar melhor a situação de jogo.

Por exemplo: no xadrez, a criança pode desenvolver melhor a sua imaginação, criatividade, além de ser um estímulo para habilidades sociais, cognitivas e comunicacionais. 

Estimule o contato com a literatura

Apesar de muitos não relacionarem a leitura com o raciocínio lógico, o contato com a literatura beneficia esse aspecto nas crianças.

A leitura, bem como a expansão do vocabulário e a assimilação da gramática e a própria habilidade de leitura podem desenvolver o pensamento lógico nos pequenos.

Os livros, pelo estímulo à criatividade e imaginação, permitem não apenas a construção de opinião e aquisição de cultura e conhecimento, mas também trazem uma capacidade maior de argumentação e pensamento crítico. 

Projetos e atividades complementares

Outra forma de se desenvolver o raciocínio lógico infantil é por meio de projetos e atividades complementares.

Assim como os jogos de tabuleiro, os projetos, como os de robótica, são uma excelente forma de aprender tais habilidades na prática.

Essas atividades proporcionam uma aprendizagem colaborativa e metodologias ativas, capacitando a criança a buscar soluções para problemas, além de desempenhar atividades com o objetivo de desenvolver o raciocínio e a lógica.

Esse tipo de atividade, aliás, vem sendo cada vez mais presente no Ensino Básico. Em colégio particular em Brasília, a oferta de tais atividades é tida como um dos maiores diferenciais

Estimular os jogos eletrônicos

Por fim, outra atividade para estimular o raciocínio lógico em crianças são os jogos eletrônicos.

Apesar de terem sido vistos, por muito tempo, como prejudiciais ao desenvolvimento, tais jogos podem colaborar para um ensino mais interativo.

Quando aplicados de forma saudável, sem exageros, os jogos incentivam as crianças a pensarem de forma mais estratégica. Muitos deles exigem que os pequenos desenvolvam habilidades cognitivas, bem como pensem de forma analítica para passar de uma fase.

Os jogos ainda podem ser responsáveis pelo desenvolvimento de habilidades relacionadas à memória, à coordenação motora e à concentração.

Gostou do nosso conteúdo? Então, assine nossa Newsletter para não perder nenhuma outra novidade e receber novos conteúdos como este. 

Quero assinar a newsletter!

Postado porColégio Sigma

Postado em4 de junho de 2021


Palavras chave:

Blog do Sigma DF

Ver todasclique para conhecer mais
receba nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba as últimas novidades por e-mail

entre em contato

Entre em contato

Entre em contato que nós iremos responder assim que possível.

Copyright © | - Todos os Direitos Reservado por

Termos de Uso|Politica de Privacidade
Ligarclique para ligar